ATIVIDADES DO PET-SAÚDE EM ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA: UMA EXPERIÊNCIA MOTIVADORA

Mariza Cervi, Amanda Wiviane Pereira, Dania Dolzan Peluso, Suelen Talian Simões

Resumo


O Sistema Ùnico de Saúde (SUS) é a via de acesso aos serviços de saúde no Brasil. Neste contexto, a Estratégia Saúde da Família (ESF) inclui ações de promoção da saúde, prevenção, recuperação e reabilitação de doenças e agravos, em unidades inseridas dentro das comunidades, promovendo a saúde para a população beneficiária. O Programa pelo Ensino para o Trabalho em Saúde (PET-Saúde), junta-se a este propósito, integrando alunos, profissionais e docentes, inovando nas formas de aprendizado e atendimento. É neste sentido, que o presente estudo se propõe a descrever as estratégias e atividades realizadas na ESF Santa Marta, no município de Passo Fundo, RS, dentro do PET-Saúde, no período compreendido entre os anos 2010 e 2011. Os resultados da intervenção, ora apresentados, levam a considerar que, por meio de atividades de pesquisa, ensino e extensão, desenvolvidas por equipe multidisciplinar, no âmbito do PET-Saúde, pode-se obter a participação efetiva da população em atividades gratificantes que propiciaram à comunidade, integração, conhecimento e acompanhamento interdisciplinar. Sendo assim, conclui-se que atividades desse cunho (Dia “M” na ESF Santa Marta; Acidentes na infância: produção de conhecimento na Atenção Primária à Saúde; Arraial da saúde do ESF Santa Marta; Teatro: higiene infantil) podem servir de instrumento inspirador para realização de novas e outras ações que beneficiem as comunidades trazendo-lhes saúde e qualidade de vida.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.33053/cataventos.v8i1.1898

Apontamentos

  • Não há apontamentos.